Fernando Favela público
[search 0]
Download the App!
show episodes
 
Título: Podcast Toma Aí Um Poema Ano de produção: 2020 - presente País de origem: Brasil Duração: 1 minuto por episódio Classificação: Livre Gênero: Videos curtos Direção: Belise Campos e Jéssica Iancoski. Curadoria: Mabelly Venson. Sonoplastia: Jéssica Iancoski Roteiro: Belise Campos e Jéssica Iancoski. Edição de vídeo: Jéssica Iancoski e Felipe Ogawa. Vozes: Flavia Ferrari, Jaime Barros dos Santos Júnior e Jéssica Iancoski
  continue reading
 
Loading …
show series
 
Maria da Conceição Evaristo de Brito, nascida em 29 de novembro de 1946 em Belo Horizonte, é uma renomada linguista e escritora afro-brasileira. Aposentada, teve destacada carreira como pesquisadora-docente universitária, especializando-se em literatura comparada. Sua infância humilde na favela do Pendura Saia, sua ascendência diversificada e uma f…
  continue reading
 
Maria da Conceição Evaristo de Brito, nascida em 29 de novembro de 1946 em Belo Horizonte, é uma renomada linguista e escritora afro-brasileira. Aposentada, teve destacada carreira como pesquisadora-docente universitária, especializando-se em literatura comparada. Sua infância humilde na favela do Pendura Saia, sua ascendência diversificada e uma f…
  continue reading
 
A Toma aí um Poema adverte: se apaixonar por poetas pode ser prejudicial à saúde! @‌_ss.maisa declama seu poema “Cuidado com poetas”. Para participar dessa iniciativa de divulgação, acesse o link 👉 forms.gle/t33ZvMtxA867AS5s7 ou clique em nossa bio. 🌐 Basta seguir as instruções no formulário e aguardar o seu vídeo ser publicado em uma segunda-feira…
  continue reading
 
Desprendendo-se das palavras que grudaram em sua pele, Jean faz uma promessa: se descolar, se descolonizar. Essa busca pela retomada dá medo, rasgar-se é um perigo iminente, mas essa vulnerabilidade é sua jornada de autodescoberta poética. @‌eu_jeaan declama seu poema “colagens”. Para participar dessa iniciativa de divulgação, acesse o link 👉 forms…
  continue reading
 
Maria da Conceição Evaristo de Brito, nascida em 29 de novembro de 1946 em Belo Horizonte, é uma renomada linguista e escritora afro-brasileira. Aposentada, teve destacada carreira como pesquisadora-docente universitária, especializando-se em literatura comparada. Sua infância humilde na favela do Pendura Saia, sua ascendência diversificada e uma f…
  continue reading
 
No Carnaval, desafiamos as regras e, sem perceber, deixamos as máscaras caírem. Neste momento de pura autenticidade, questionamos: é proibido sentir a alegria sem se esconder atrás de máscaras?Desde já, a Editora Toma Aí um Poema deseja a todes um Feliz Carnaval! @fmferrari declama um trecho do conto "Terça-feira Gorda” de Caio Fernando Abreu. Para…
  continue reading
 
As notas dissonantes da desigualdade ecoam na hora dourada, iluminando a necessidade de reflexão e ação em meio à cultura e contradições urbanas. Ouça a declamação e reflita sobre o desamparo! @‌fixando.vertigens declama um trecho do poema "Despejos”. ‌ Para participar dessa incrível iniciativa de divulgação, acesse o link 👉 forms.gle/t33ZvMtxA867A…
  continue reading
 
Maria da Conceição Evaristo de Brito, nascida em 29 de novembro de 1946 em Belo Horizonte, é uma renomada linguista e escritora afro-brasileira. Aposentada, teve destacada carreira como pesquisadora-docente universitária, especializando-se em literatura comparada. Sua infância humilde na favela do Pendura Saia, sua ascendência diversificada e uma f…
  continue reading
 
Maria da Conceição Evaristo de Brito, nascida em 29 de novembro de 1946 em Belo Horizonte, é uma renomada linguista e escritora afro-brasileira. Aposentada, teve destacada carreira como pesquisadora-docente universitária, especializando-se em literatura comparada. Sua infância humilde na favela do Pendura Saia, sua ascendência diversificada e uma f…
  continue reading
 
Quem ousa se perder nesse labirinto?@‌guilhermebrante declama o poema “Labirinto”.Para participar dessa incrível iniciativa de divulgação, acesse o link forms.gle/t33ZvMtxA867AS5s7 ou clique em nossa bio. Basta seguir as instruções no formulário e aguardar o seu vídeo ser publicado em uma segunda ou sábado.…
  continue reading
 
Na declamação do dia, Tony convida você paraa refletir sobre a presença tímida e constante do amor em nossas vidas, destacando sua potência transformadora. Que essa leitura te faça pensar sobre a necessidade de ouvir e compreender os outros. @‌tonyrevisor declama o poema “Soneto do amor ouvinte”. Para participar dessa incrível iniciativa de divulga…
  continue reading
 
Vamos refletir juntos sobre a importância de enxergarmos além das aparências, celebrando a singularidade de cada alma. @‌euiancoski declama um trecho do poema "Do que se trata..." de @kelkamoezze. ‌ Para participar dessa incrível iniciativa de divulgação, acesse o link forms.gle/t33ZvMtxA867AS5s7 ou clique na nossa bio. Basta seguir as instruções n…
  continue reading
 
🎙️✨ Momento mágico capturado! O incrível Poeta Sandro Sedrez dos Reis nos presenteando com a leitura de seu poema "Um Buquê de Ambições" na TAUP. Uma experiência que toca a alma e desperta os sentidos! 🌟 Quer se perder nas palavras e sentimentos profundos deste poema? Encontre a versão completa no Spotify e deixe-se envolver pela poesia de Sandro. …
  continue reading
 
No estado de calmaria, encontrei a paz que transcende o caos. 🌿 Qual é a sua maneira de cultivar serenidade nos momentos turbulentos da vida? @‌nanciotoni declama o poema “Estado de Calmaria”. Para participar dessa incrível iniciativa de divulgação, acesse o link 👉 forms.gle/t33ZvMtxA867AS5s7 ou clique na nossa bio. 🌐 Basta seguir as instruções no …
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Daniela Bonafé declama o poema “Militância”, disponível na coletânea de poesia política Vote, da editora Toma Aí um Poema, CeMana 22. Para participar dessa incrível iniciativa de divulgação, acesse o link 👉 forms.gle/t33ZvMtxA867AS5s7 ou clique na nossa bio. 🌐 Basta seguir as instruções no formulário e aguardar o seu vídeo ser publicado em uma quar…
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Carolina Maria de Jesus (1914-1977) foi uma destacada escritora brasileira, conhecida pelo impactante "Quarto de Despejo: Diário de uma favelada" (1960). Moradora da favela do Canindé, em São Paulo, sustentou-se como catadora de papéis, destacando-se pela venda surpreendente de 10 mil exemplares em uma semana, com tradução para treze idiomas e dist…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Hilda de Almeida Prado Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX. Ela nasceu em São Paulo em 1930 e faleceu em 2004, aos 74 anos.►► Apoie pequenas editoras. Compre livros de autores independentes!⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠⁠…
  continue reading
 
Nasci numa cidade grande também no nome: Belo Horizonte. Ainda criança me vi incomodada ao ter que abreviar a beleza do Hte só para caber nas bordas de uma mera ficha. Depois de ver o meu mundo se alargar ao me tornar mãe da Nina, escolhi viver pertinho da natureza, em Rio Acima, também nas montanhas de Minas. Acredito que, se é para encurtar algo,…
  continue reading
 
Olá! Eu sou Matheus Almeida, atendo pelo pseudônimo de Machado Quitéria de Ortiz, sou poeta e escritor. Tenho dezesseis anos e resido na cidade de Cariacica-ES. Tenho Superdotação/Altas Habilidades, descobertas pela minha professora e doutora em Linguística Renata Barreto. Desde pequeno eu era aficionado na criação de textos, minha mente voava em h…
  continue reading
 
Carol Grandidi é escritora, psicopedagoga, pedagoga especialista em Neuroeducação e professora de educação infantil. Carioca, é mãe de duas crianças e vive, diariamente, todas as mudanças que a maternidade lhe trouxe. Amante de poesias, gosta de rabiscar sobre o que a cerca e acredita que escrever é sua forma de ser no mundo. Cria poemas e história…
  continue reading
 
Advogado, especialista em Filosofia e Teoria do Direito, Schleiden tem 34 anos. Começou a escrever aos 18, quando venceu seu primeiro concurso literário: um 1º lugar em um prêmio de contos promovido pela Universidade Federal da Grande Dourados. Desde então, escreveu mais de trezentos contos, duzentas poesias, uma centena de crônicas e uma dezena de…
  continue reading
 
Géssica Menino é mãe do Christopher, uma das vencedoras do concurso literário nacional “Novas Contistas da Literatura Brasileira” e uma das ganhadoras do Concurso Literário Internacional da Academia Fluminense de Letras 2018. Acadêmica Correspondente à Cadeira 239, da Alpas 21 (Academia Literária Internacional), tendo como conto em destaque "A maçã…
  continue reading
 
Jaime Barros dos Santos Junior - Uma das vozes da TAUP. Nascido em Curitiba, PR, em 22 de março de 1983, é professor na UFPA em Altamira, PA. Vive com sua família no coração da Amazônia, às margens do rio Xingu. Livre pensador, amante da natureza e da literatura. Usa a poesia como forma de sensibilizar a população sobre temas relacionados à naturez…
  continue reading
 
Nascido no Paraná e radicado em Santa Catarina, Rodrigo Domit é autor dos livros Colcha de Retalhos (Minicontos, 2011) e Ruínas da Consciência (Poesia, 2018). Teve um conto traduzido para o alemão e publicado na coletânea Grenzenlos. Nove poemas foram publicados na coletânea Emergente – Novos Poetas Lusófonos. Além de outras conquistas e publicaçõe…
  continue reading
 
Luize Sehn, nome espiritual Bhavani que significa pura existência é poetisa, yogini, educadora, flautista, ativadora de comunidades, ativista ambiental, multiesportista vegana, que busca usar seus dons para promover a compaixão por todos os seres e a cultura de paz em projetos na cidade do Rio de Janeiro e online pelo mundo. Poesias da Essência é…
  continue reading
 
Atualmente com 21 anos e natural de Contagem - MG. Por conta do trabalho do meu pai, nascido e criado em Macau - RN, cresci entre muitas mudanças, tanto de estados quanto de cidades e casas. Hoje vivo no Rio Grande do Sul e estudo Fonoaudiologia. Trabalhava como atendente de caixa e barista, entre as pausas do trabalho sempre encontrava tempo para …
  continue reading
 
Maria José de Melo, natural de São Caetano município do Agreste de Pernambuco, atualmente morando em Jaboatão dos Guararapes-PE, Região Metropolitana de Recife-PE. Filha de camponeses, escritora, geógrafa, especialista em docência, mestre em serviço social e poetisa de eterna alma regionalista com pretensões de ser universal. Citação preferida: “O …
  continue reading
 
Laila (ele/ela) é escritor, poeta, artista. É também uma pessoa não-binária, autista e TDAH. Seu diagnóstico só chegou aos 31 anos de idade, mas o deslocamento e a sensação de não pertencer o acompanhou por toda vida. Enquanto crescia, a escrita foi seu refúgio particular e, hoje em dia, busca retratar a diversidade humana em suas histórias; pois s…
  continue reading
 
“Primeira aparição da manhã” é uma seleção de poemas que compõem a primeira obra literária da escritora Luciana Andradito. Produzidos entre 2008 e 2022, os textos refletem a passagem do dia e os movimentos oscilantes, interiores e exteriores, criando nuances contrastantes entre luzes e sombras. Enveredam pela poesia visual, concreta, erótica, margi…
  continue reading
 
Boa chuva é meu primeiro livro lançado via editora, representando uma importância diferente na minha trajetória artística. É um livro de poemas no seu campo expandido, em cruzo com as visualidades, uma característica da minha poética. Os poemas foram tecidos junto do meu universo de experiências afetivas, espirituais, filosóficas e políticas, que a…
  continue reading
 
Jéssica Iancoski é escritora, poeta, artista gráfica e editora. Em 2022, foi finalista do Prêmio Jabuti (poesia) e vencedora do Prêmio Candango de Literatura (Capa). Tem participações em antologias, jornais e revistas. Já publicou no Brasil, Argentina, Colômbia, Espanha, Galiza e em Portugal. É idealizadora do Toma Aí Um Poema (podcast, revista e e…
  continue reading
 
Baiana, natural de Feira de Santana. Para fins profissionais, formada em Direito pela UEFS, pós-graduada em Direito Processual Penal, advogada licenciada, atual servidora pública do MPBA e professora de graduação em direito nas cadeiras de Direito Penal e Direito Processual Penal. Escrevo porque preciso, porque pulso poesia todos os segundos do meu…
  continue reading
 
ADRIANO C. TARDOQUE, 48 anos, arteterapêuta, historiador, tec em museologia, educador sociocultural, produtor cultural e jornalista. Moro em São Paulo - SP desde que nasci. Trabalho o sentir, o ouvir, o pensar, o refletir e o expressar poético em minhas práticas educativas e arteterapêuticas. Comecei recentemente o projeto “Patamonte Podcast”, em q…
  continue reading
 
Jônatas Rosa é jornalista e tem 37 anos. Natural de Araçoiaba da Serra, interior de São Paulo, é filho de uma pedagoga e de um motorista de ônibus. Atuou como repórter no Jornal Ipanema e na Jovem Pan Sorocaba, foi secretário de Turismo e Esportes e chefe de gabinete em Araçoiaba da Serra. Atualmente é coordenador de comunicação no Sindicato dos Me…
  continue reading
 
Juliano é mestre em teoria da literatura pela Universidade Federal de Pernambuco, e bacharel em letras pela mesma instituição. O autor possui algumas poesias publicadas pelas antologias da TAUP. Em 2022 recebeu menção honrosa no 1º concurso literário realizado pela Academia Metropolitana de Letras e Artes de Feira de Santana. Em sua carreira, possu…
  continue reading
 
Este que vos escreve é roteirista, dramaturgo, arte educador e ator apaixonado por brasilidade e comédias tristes. Mora na zona leste da cidade de São Paulo e com a arte aprendeu muitas coisas, inclusive a se orgulhar de sua humanidade. Na adolescência estudou teatro e também começou o interesse pelos poetas brasileiros. Viajando por cidades do est…
  continue reading
 
Loading …

Guia rápido de referências