show episodes
 
Curiosidades e análises sobre som feitas por um não músico. Eu sou Pedro Schwarcz, um completo louco. Produção: Baioque Conteúdo | Roteiro e apresentação: Pedro Schwarcz | Direção: Newman Costa | Edição: Felipe Caldo | Redação: Luiz Fujita e Paulo Borgia | Arte: Juliana Barbosa
 
Loading …
show series
 
Olá, pessoal, hoje a gente vai voltar no tempo, voltar lá para inglaterra de 1970. Vamos conversar aqui sobre o disco clássico do Traffic “John Barleycorn must die”. Um disco fora da caixa de uma banda fora da caixa e fora da curva. O cantor, tecladista, guitarrista e meio multinstrumentista Steve Winwood se destacou no Spencer Davis Group por ser …
 
Um ouvinte tem investimentos em Fundos de Ações, Fundos Multimercado e Fundos DI. Com exceção do último, os demais acumulam prejuízos. Para cobrir parte das despesas, ele precisará sacar parte das aplicações, e quer saber se deve manter a estratégia. Marcelo d'Agosto explica que, a longo prazo, os fundos de Ações e Multimercado tendem a ter uma ren…
 
Mario Sergio Cortella fala sobre as diferenças entre expectativa, ansiedade e tensão. O comentarista diz que esses sentimentos podem estar presentes em um período de pré-eleição: 'essas três sensações se mesclam, nesse momento, a depender das circunstâncias que se está'.
 
Marcelo d'Agosto esclarece a dúvida de um ouvinte sobre moedas estrangeiras, acúmulo e uso delas como poupança. d'Agosto relembra que não é possível ter conta em dólares no Brasil, mas, sim, uma aplicação financeira em reais com rendimento atrelado à variação cambial. O jornalista explica também os fundos cambiais.…
 
Um ouvinte diz que o material completo dos Fundos de Investimento parece 'bula de remédio' e quer saber se existe o risco de um Fundo Alavancado quebrar e o cotista ser obrigado a arcar com o prejuízo. Marcelo d'Agosto explica que isto nunca aconteceu, mas alerta que a possibilidade existe, já que ela está prevista no prospecto. 'Os bons gestores s…
 
No CBN Dinheiro, Marcelo d'Agosto explica que fundos de ações e fundos imobiliários têm bom rendimento quando juros e inflação estão em baixa. O comentarista destaca ainda que é preciso acompanhar as sinalizações do Banco Central, porque o momento ainda não é de queda, com estabilidade da taxa Selic pelo menos até 26 de outubro. D'Agosto acrescenta…
 
Uma ouvinte vendeu um imóvel, mas só vai usar o dinheiro no próximo ano. Ela quer saber qual é a melhor aplicação com um bom rendimento até lá. Marcelo d'Agosto aconselha que ela aproveite que a taxa básica de juros está baixa e investir em um fundo DI. 'A vantagem do investimento, neste caso, é que o administrador e o gestor do fundo têm pouca mar…
 
Existem duas músicas brasileiras, uma antes e outra depois de João. O violão que incorporava em si mesmo uma batida própria, uma voz sem vibrato nenhum, uma sofisticação musical enorme corporificada em um som que fazia uma síntese tão perfeita que - embebida do cool jazz - transformava toda a tradição do samba-canção em um compêndio perfeito cujo o…
 
O Banco Central dos EUA aumentou a taxa básica de juros em 0,75 ponto percentual. Além disso, sinalizou para novos aumentos no futuro. Na prática, as previsões dos especialistas indicam que os juros continuarão elevados por lá até 2024. O rendimento dos títulos do governo dos EUA já está na faixa de 4% ao ano. Esses juros eram praticamente zero ent…
 
Mario Sergio Cortella fala sobre o Dia da Árvore e a perceptível mudança climática: 'um bom momento para pensar de fato o que significa o nosso lugar, a nossa casa comum'. O comentarista também reflete sobre momento pandêmico: 'redução da presença humana mostrou o quanto a natureza retoma o fôlego'.
 
Um ouvinte de São Bernardo do Campo tem dúvidas a respeito das aplicações financeiras com garantia do Fundo Garantidor de Créditos, o FGC. Uma delas é se a garantia do FGC inclui a rentabilidade ou apenas o valor inicialmente aplicado. Marcelo d'Agosto explica que o FGC é uma espécie de seguradora do mercado financeiro, que garante depósitos em ins…
 
Marcelo d'Agosto esclarece a dúvida de um ouvinte sobre a produtividade de aplicações. Ele destaca que a melhor opção para ações de curto prazo são as atreladas ao CDI, o principal indexador de investimentos em renda fixa, e tem relação direta com a taxa Selic; fixada pelo Banco Central conforme a inflação. d'Agosto analisa que uma boa estratégia é…
 
CONTEÚDO DE MARCA - Pesquisa de 2020 feita pelo SPC mostrou que 48% dos brasileiros não controlam o próprio orçamento. Neste quarto episódio da série Cash in Cast, uma realização do BTG, Ivan Carneiro, responsável por cartões no BTG Pactual, e o Diogo Dias, responsável por benefícios no BTG Pactual falam do planejamento e da disciplina quando o ass…
 
Marcelo d'Agosto esclarece a dúvida de uma ouvinte sobre tesouro prefixado. d'Agosto lembra que não está definida como será a condução da política econômica no Brasil em 2023, e o cenário internacional segue nebuloso. Por isso, é preciso cautela com essa modalidade de investimento.
 
No CBN Dinheiro, Marcelo d'Agosto dá dicas aos ouvintes de boas alternativas ao LCI e ao LCA. Segundo ele, é possível aplicar na poupança, mas o rendimento não é muito bom. Fundos imobiliários também têm rendimentos isentos de imposto de renda. O ideal é avaliar a rentabilidade, pois há fundos mais vantajosos mesmo com pagamento do tributo. 'Para m…
 
Marcelo d'Agosto esclarece a dúvida de um ouvinte sobre aplicações em títulos LCA e LCI. A remuneração supera a taxa do Tesouro Direto e não tem desconto de IR. O especialista explica que esses títulos são garantidos pelo FGC até o valor de R$ 250 mil. 'Então, na prática, o investimento no Tesouro Direto ou nessas letras garantidas tem um risco sem…
 
Marcelo d'Agosto esclarece a dúvida de um ouvinte sobre Fundos DI e períodos mínimos para investimento. Ele explica também o IOF, que incide sobre os resgates que forem feitos a partir de um dia de aplicação até 29 dias. d'Agosto lembra que depois de 30 dias, o IOF é zero.
 
Marcelo d'Agosto esclarece a dúvida de um ouvinte sobre um investimento em LCI que venceu e cujo dinheiro foi para a conta corrente. d'Agosto lembra que nos fundos DI um gestor de recursos fica responsável por escolher as aplicações, que são feitas em nome de todos os demais investidores e cada um compra uma certa quantidade de cotas.…
 
Marcelo d'Agosto responde dúvida de ouvinte sobre preparação financeira para viagem internacional. O especialista indica a compra da moeda estrangeira 'aos poucos' e o uso do cartão de débito, ao invés do crédito. Ele também fala sobre os melhores investimentos para este objetivo.
 
Marcelo d'Agosto explica que a resposta depende da intenção do investidor. Em fase inicial de acumulação de recursos, é melhor optar pelo Tesouro IPCA+ com pagamento apenas no final do ativo, sem precisar se preocupar em reinvestir. Caso haja necessidade de complementar renda, como perto da aposentadoria, é melhor buscar juros semestrais.…
 
Marcelo d'Agosto responde dúvida de ouvinte sobre economias para complemento de aposentadoria. 'Se você tem a possibilidade de deixar o dinheiro aplicado por 20 anos, esses títulos, nesse momento, são excelentes, com boa rentabilidade e um baixo risco', diz o comentarista.
 
Marcelo d'Agosto responde dúvida de ouvinte e afirma que o cenário ainda é bem nebuloso. Comentarista explica que o presidente do Banco Central já descartou a possibilidade de redução das taxas de juros na próxima reunião do Copom. No exterior, ainda existem incertezas sobre uma possível crise energética.…
 
Marcelo d’Agosto responde ao questionamento de uma ouvinte que tem um carro avaliado em R$ 80 mil. Ela pretende vende-lo e fazer um contrato de aluguel de carro. Com o dinheiro da venda, ela pretende investir para pagar o aluguel. Qual a melhor opção de investimento? Ouça o comentário.
 
Marcelo d'Agosto responde um ouvinte que quer investir em aplicação conservadora no prazo de seis meses a um ano. O comentarista explica que o Fundo DI investe a maior parte da carteira em título Selic ou outros tipos atrelados à variação do CDI. Já o DI Simples, o mais conservador dos três, vale apenas para o Tesouro Selic. O DI Crédito Privado é …
 
Marcelo d'Agosto responde uma ouvinte que mora na França e está com dinheiro investido em um fundo de ação com rentabilidade negativa. O assessor de investimentos propôs um fundo de previdência. Mas para um não-residente vale a pena? d'Agosto explica duas formas de aplicar no Brasil do exterior: através da conta 4373 ou da conta CDE. Esta última, a…
 
Marcelo d'Agosto responde dúvida de ouvinte sobre previdência privada: 'devo investir 12% da minha renda tributável com base nos meus holerites ou considerar também a rentabilidade da aplicação no período?'. O comentarista explica como fazer as contas e fala sobre os tipos de planos de previdência.
 
Loading …

Guia rápido de referências

Google login Twitter login Classic login