Padre Paulo Ricardo público
[search 0]

Download the App!

show episodes
 
Loading …
show series
 
“Ninguém tem amor maior do que aquele que dá sua vida pelos amigos”, diz Jesus no Evangelho deste domingo. Mas a que amor Nosso Senhor está se referindo? Aproveitando o Dia das Mães, Padre Paulo Ricardo explica, nesta meditação, os diferentes níveis de amor que o ser humano pode manifestar: desde o “amor animal”, de concupiscência, passando pelo am…
 
Muito se especula até hoje sobre o famoso “segredo de Fátima”. Na verdade, o verdadeiro segredo de Fátima é muito simples e se entende com perfeita clareza, se olhamos para o conjunto das aparições de Maria: nós, apesar de “pastorinhos” insignificantes e impotentes, se aceitarmos das mãos dela a caridade celeste, podemos mudar o rumo da história, r…
 
Quem está no meio de um tiroteio o que faz? Refugia-se em algum lugar, em algum abrigo, numa caverna, numa trincheira, em qualquer lugar protegido dos ataques. Nossa Senhora disse-nos em Fátima onde está o abrigo: “É o meu Imaculado Coração”. Na prática, o que isso quer dizer? Que, quando o mundo nos fere, nós mesmos nos ferimos, ou o diabo e os pe…
 
Já em sua primeira aparição em Fátima, Nossa Senhora disse a que veio: chamar-nos a responder com amor ao amor que Deus sempre nos manifestou. Mas se a resposta dos homens, em geral, não vai além de ofensas e indiferenças, então é dever do cristão recuperá-las por seus sacrifícios e rezar com especial afinco pela conversão dos pecadores. É o que no…
 
Nossa Senhora de Fátima, com a mensagem de suas aparições, pôs em evidência verdades de fé que não só estavam esquecidas na época, mas que seriam frontalmente negadas depois por muita gente dentro da própria Igreja. Nossa Senhora anteviu a crise de fé que viria mais tarde e se abateria sobretudo sobre o santíssimo sacramento da Eucaristia, presença…
 
Estamos a poucos dias da festa de Nossa Senhora de Fátima. Para bem nos prepararmos, convém refletir durante esta semana e a próxima semana sobre as mensagens da Virgem Marias aos três pastorinhos, começando hoje pelo final — o grande milagre do Sol —, que nos serve de critério para entender a natureza das revelações de Fátima e em que medida elas …
 
Com grande alegria, celebramos hoje a festa de duas das colunas da santa Igreja de Deus: São Filipe e São Tiago Menor, Apóstolos do Senhor, aos quais devemos, como a todos os Doze, o depósito da fé que recebemos e o dom inestimável dos sacramentos da Nova e eterna Aliança.Assista à homilia do Padre Paulo Ricardo para esta segunda-feira, dia 3 de ma…
 
Ao ouvir a palavra “Igreja”, muitos de nós talvez pensemos em um prédio, uma pessoa jurídica ou uma instituição meramente humana. Mas, no Evangelho deste domingo, Jesus manda que permaneçamos nele, tal como ramos atados a uma videira. Isso significa que a Igreja é, sobretudo, o mistério de nossa união com Cristo. E isso não por vínculos jurídicos o…
 
Ao celebrar hoje a memória de São José Operário, a Igreja nos ajuda a recordar que, a despeito de seu inegável valor, não é o trabalho por si só que nos santifica, mas a fé e o amor com que se trabalha. É certo que São José constitui um modelo insuperável de pai e trabalhador. Não foram, porém, nem as farpas da carpintaria nem o suor do dia a dia q…
 
O antigo Código de Direito Canônico prescrevia aos clérigos que honrassem diariamente a Virgem Mãe Deus pela récita do santo Rosário. E isso não só por sua singular excelência como forma de meditar os mistérios da Redenção humana, mas pela força que Deus lhe quis associar para ser verdadeira arma espiritual, uma peça de combate para vencermos os as…
 
Uma dia, Santa Catarina revelou a seu confessor, um santo dominicano, que desde a juventude se acostumara a “construir uma cela” em seu coração da qual jamais pudesse sair, por estar ali a sós com Deus, ainda que o mundo cá fora gritasse e a chamasse com tantos atrativos. É o que nós queremos aprender dela, proclamada Doutora da Igreja não tanto pe…
 
Graças a Deus, a devoção a São Luís Maria de Montfort vem crescendo no Brasil ao longo dos últimos anos, por conta da difusão de seu Tratado e da consagração a Jesus pelas mãos de Nossa Senhora. No entanto, São Luís Maria, se é admirável por seus escritos, não o é menos por sua vida, tão pouco conhecida dos brasileiros.Assista à homilia do Padre Pa…
 
Muita gente vai ao confessionário queixando-se de que não consegue vencer tal pecado, que não tem forças para superar tal vício, que já tentou de tudo, mas sempre volta a cair… Mas, fazendo as perguntas certas, quase sempre se descobre que são ovelhas acostumadas a “flertar” com o lobo: querem ser de Cristo, mas vivem fora do redil, metidas em mil …
 
Verdadeiro cristão, qual ovelha que reconhece a voz do pastor, é o que busca fazer não a própria vontade, mas a de Deus, manifestada na doutrina da Igreja, no exemplo dos santos e também nas cruzes do dia a dia. Exemplo disto foi S. Rafael Arnáiz, a quem Deus chamou à vida no mosteiro para, na doença, saber renunciar à vontade de ser monge. Porque,…
 
A imagem bucólica de ovelhas regidas por um pastor está presente nas Sagradas Escrituras desde o rei Davi e os profetas, mas só em Jesus Cristo encontra pleno cumprimento. É por isso que Ele diz, no Evangelho deste domingo: “Eu sou o bom pastor”. Muitos de nós, porém, pouco acostumados à vida campestre, talvez não compreendamos em profundidade o qu…
 
Há cerca de cinquenta anos, começou dentro da Igreja a conversa de que a doutrina católica tradicional sobre a Eucaristia precisava mudar. Afinal, o homem moderno, com suas geladeiras e aviões, não seria mais capaz de aceitar uma ideia como a de “transubstanciação”. Daí se inventaram conceitos como o de “transignificação”, uma negação teórica e prá…
 
Hoje celebramos a memória de um santo bastante popular, mas pouco conhecido por sua vida e virtudes. Trata-se de S. Jorge, o grande mártir. Estamos acostumados a ver imagens dele a matar um dragão, o que levou muitos historiadores a duvidar da existência do santo. Mas é preciso não confundir alhos com bugalhos. De fato, o episódio narrado pela lend…
 
Hoje, celebramos o descobrimento do Brasil; e segunda que vem (dia 26), celebramos a primeira Missa que aqui se rezou. Há cerca de 520 anos, pela primeira vez foi erguida uma hóstia consagrada em nossas terras, trazendo aos povos que aqui viviam uma vida que perderam por seus pecados e não podiam recuperar por seus ritos e falsas religiões, mas ape…
 
A vida de Santo Anselmo, como a de todos os santos, tem sempre muito a nos ensinar. Ele foi monge exemplar, teólogo penetrante, abade responsável e bispo dedicado. Mas foi também um exemplo — particularmente atual — de como as autoridades eclesiásticas devem estar dispostas a suportar o exílio e a perseguição para não se dobrarem às intromissões do…
 
Tem Jesus duas formas de nos alimentar, porque Ele mesmo, enquanto Palavra de Deus, se une a nós pela fé, e enquanto Senhor sacramentado, nos toca intimamente na Eucaristia. É por isso que Ele se apresenta ora como pão da vida, que sustenta os que nele creem, ora como pão vivo descido do céu, que nutre e sacia os que dele comem. E estes dois alimen…
 
Há gente de vida de oração, que vai muito à igreja, tem os joelhos calejados, está sempre a repetir orações, mas nem assim cresce espiritualmente. Por quê? Porque não tem atitude de fé, não faz o trabalho de ouvir o que Deus quer nos dizer. São fiéis que rezam, rezam, falam, falam… porque acham que são eles que têm de dizer alguma coisa a Deus, com…
 
No mesmo dia em que ressuscitou, “Jesus abriu a inteligência dos discípulos para entenderem as Escrituras”, e eles então passaram a compreender: tudo o que está escrito “na Lei de Moisés, nos Profetas e nos Salmos” fala de Cristo e nele encontra pleno cumprimento. Assim a Igreja lê, desde sempre, todo o Antigo Testamento, ciente de que o cristianis…
 
Por sobre o mar agitado e tempestuoso desta vida Cristo caminha sereno e triunfante. Ele, a quem o mar e o vento obedecem, faz-se presente nas nossas dores e sofrimentos. Com uma palavra cheia de conforto e segurança, garante-nos: “Sou eu. Não tenhais medo”! Mas é preciso ter ouvidos para ouvir, sem se deixar abater pelas ondas que parecem às vezes…
 
Muita gente procura Jesus querendo outra multiplicação dos pães. Querem dinheiro, querem trabalho, querem saúde, querem sossego, mas o abandonam assim que a situação “aperta” e Deus, não sabem bem por quê, parece ter ficado surdo às suas preces. Quantos judeus não viram os milagres de Cristo, um mais incrível que o outro, creram e o seguiram; mas, …
 
O Concílio Vaticano I ensina que Deus não se engana nem engana a ninguém. Por isso, ao Deus que se revela temos de prestar o obséquio da nossa mais sincera obediência; à Verdade que nos fala devemos o mais humilde ato de fé, pois não é uma pessoa qualquer que se dirige a nós, mas aquele que não mente nem pode mentir. E se podemos estar certos das v…
 
Os católicos estão de acordo com os luteranos em que somos salvos pela fé. O problema é que os últimos deturpam a verdade, acrescentando um detalhe que não se lê nem se insinua em parte alguma da Escritura: que somos salvos “somente” pela fé. Os católicos, por outro lado, mantêm-se fiel ao ensinamento bíblico, à Tradição da Igreja e ao bom senso: a…
 
Continuamos na intimidade do colóquio entre Nosso Senhor e Nicodemos, um dos sinedritas e chefes da comunidade judaica. Tendo ouvido falar do novo profeta, cuja fama já corria por Jerusalém, Nicodemos deseja conhecer de perto aquele homem cercado de mistérios e boatos. Prudente, julgou melhor ir ter com Ele quando já era noite. Embora a fé ainda nã…
 
O Evangelho de hoje nos mostra que, para entrar no Reino de Deus, é preciso nascer “de novo” ou, numa segunda leitura possível, “do alto”. Mas como — podemos perguntar com Nicodemos — alguém é capaz de nascer outra vez, se já é velho? A resposta que o Senhor dá acentua não só o efeito de regeneração que o Batismo opera em nós, mas também a necessid…
 
Durante toda a história da Igreja o Domingo da Oitava de Páscoa sempre foi celebrado com muita festa e solenidade. Mas, nos últimos tempos, por meio da aparição de Nosso Senhor a uma freirinha desconhecida, num convento esquecido “do fim do mundo”, Deus pediu que esse domingo fosse celebrado com especial alegria e exultação, tanto no Céu quanto na …
 
A dificuldade inicial de São Tomé para crer na ressurreição de Jesus é uma ótima ocasião de refletir sobre a atual “cultura da dúvida”. Apesar de o homem moderno se gabar da própria incredulidade, a verdade é que, na prática, é impossível viver sem fé. Desde os que cozinham a nossa comida, passando pelos médicos que nos examinam, até os engenheiros…
 
De todas as pessoas a quem Jesus poderia aparecer depois de ressuscitado, Ele quis mostrar-se primeiro, não a Pedro nem a João, não a Caifás nem a Pilatos, nem mesmo a Maria, sua Mãe, mas a outra Maria, a Madalena. Foi a uma mulher, cujo testemunho nenhum valor jurídico tinha na época, e a uma que fora possuída por sete demônios e por muitos anos v…
 
Muita gente quebra a cabeça perguntando-se por que não consegue converter as pessoas de sua casa. Afinal, se vamos à igreja, damos catequese, participamos de mil e uma pastorais, por que é justamente a nossa família a que não se converte? O que nos tem faltado, se já são tantos os nossos esforços? É o que o Evangelho de hoje nos quer responder.Assi…
 
Para uns, a Ressurreição é um escândalo ou, quando menos, uma invenção de uns lunáticos. Para outros, é uma grande notícia, não por ser verdadeira, mas pelo que simboliza: Cristo vive, sim, mas “em nossos corações” e na “causa” a que deu o pontapé inicial. Nada disso, porém, é a verdadeira fé católica, para a qual o Filho encarnado, sendo Deus, exp…
 
Abatidos, os discípulos de Emaús voltam hoje a seu povoado, quase a arrastar os pés pela estrada empoeirada, frustrados em suas expectativas, tristes pelo “fim” trágico do Senhor, sem entender como tudo aquilo pôde acontecer… Mas Jesus aproxima-se deles e, sem se dar a conhecer, tira-os da tristeza abrindo-lhes a inteligência para a única resposta …
 
O Evangelho de hoje nos narra a primeira aparição de Nosso Senhor, feita a um dos corações que mais se deixou transformar pelo amor de Cristo. Trata-se do coração de Maria Madalena, para quem Jesus era tudo, e o mundo menos do que nada. Convertida de uma vida de pecado, ela descobriu com tal profundidade o quão suave é o Senhor que nem os anjos do …
 
A Páscoa é tempo de alegria, mas não da alegria com que muitos se despedem do Tempo Comum antes de entrar na Quaresma, isto é, do júbilo bobo que marca os tristes excessos do Carnaval. A alegria da Páscoa não é a da carne, que nunca se satisfaz e por isso está sempre descontente, nem a das mesas bem servidas, que fartam para deixar no fim somente m…
 
Chegou enfim a noite da glória, a noite das luzes! Noite da glória para o Redentor, que mereceu por sua Paixão ser triunfantemente ressuscitado; noite de luzes para os redimidos, que pelos méritos da cruz foram tirados das trevas do pecado e trazidos à claridade da vida divina. Noite da glória do Redentor, que ressuscitado torna a todos manifesta s…
 
Como irá esta geração perversa entender a grandeza do sacrifício de Cristo, satisfação completa, superabundante e universal à justiça divina por nossos pecados, se já não crê nem que Deus seja justo, mas apenas uma misericórdia frouxa, nem que o pecado seja real, mas somente um sentimento ou complexo de culpa? Como restituir a seu primitivo candor …
 
A Liturgia da Quinta-feira Santa é dedicada a dois sacramentos intimamente vinculados: de um lado, a Santíssima Eucaristia, renovação incruenta do único sacrifício oferecido por Cristo no altar da cruz e presença real do Deus encarnado entre nós; de outro, o sacerdócio, pelo qual o mesmo Cristo alimenta continuamente com seu próprio Corpo e Sangue …
 
O Evangelho de hoje nos surpreende com a profunda humildade dos Apóstolos: “Serei eu, Senhor, quem vos há de trair?”, pergunta um após o outro, todos cheios de aflição e tristeza. Confiam, sim, mais na palavra de Cristo do que em suas próprias consciências. E nós? Temos desconfiado de nós mesmos? Somos capazes de reconhecer que, sem a graça, somos …
 
Será que não temos algo de Judas: uma aparência externa de Apóstolo igual aos outros, de predileto de Deus igual aos outros, de amigo de Deus igual aos outros, mas, por dentro, estamos vazios de fé, entregues a uma vida de pecado, de corrupção, que nos leva a beijar traiçoeiramente Jesus? Sim, porque toda comunhão sacrílega é sempre um beijo de Jud…
 
Quando somos tentados pelo diabo a cometer um pecado, o que é que ele faz? Tira a nossa vergonha, para que não nos envergonhemos de pecar; mas quando, depois do pecado, nos vem a inspiração de procurar a Confissão, o que faz o diabo? Devolve-nos a vergonha, para que nos envergonhemos de nos confessar! S. Francisco de Sales, porém, nos recorda que n…
 
Como o autor do terceiro Evangelho canônico, João Marcos, foi discípulo do primeiro Papa, o relato da Paixão por São Marcos nada mais é que a Paixão de Nosso Senhor através do olhar e a partir das lembranças de São Pedro. É, pois, o Príncipe dos Apóstolos que nos toma pela mão neste Domingo de Ramos, apresentando-nos os últimos instantes da vida de…
 
Os acontecimentos que iremos celebrar nos próximos dias, com o Domingo de Ramos e a Semana Santa, têm por agentes diretos pessoas que, na verdade, não são os reais protagonistas da história. Caifás pecou por conta própria, instigado por Satanás. Também são responsáveis por seus atos Herodes, Pilatos, os soldados e Judas. No entanto, Deus, que em su…
 
No Evangelho de hoje, os judeus pegam em pedras para apedrejar Jesus porque, dizem, Ele “se iguala a Deus”. Na verdade, sabemos que Jesus não é “um homem que se fez Deus”, Ele é Deus que se fez homem, e isso muda tudo. E se os fariseus se escandalizavam com a doutrina da Encarnação, que não pensariam eles da verdadeira santificação, pela qual o hom…
 
Hoje, solenidade da Anunciação do Senhor, somos colocados diante de dois grandes modelos de obediência. Aqui na terra, temos o “sim” de Nossa Senhora ao convite do Anjo; no alto dos céus, temos o “sim” de Nosso Senhor à vontade do Pai. Foi por estes dois atos de amorosa submissão que entrou no mundo Aquele que, despojando-se de si mesmo e fazendo-s…
 
Uma falsa noção de liberdade foi a arma usada pelo demônio para enganar nossos primeiros pais: “Comei do fruto! Sereis como deuses”, e é ainda a armadilha que ele usa para reduzir os homens à escravidão do pecado. Mas a nossa libertação não está em “fazer o que bem se entenda”, mas em conhecer a verdade, que é Cristo, abraçar cada um a própria cruz…
 
No Antigo Testamento, Deus revelou a Moisés o seu nome, “Eu sou”, no meio de uma sarça que ardia sem se consumir. Semelhante revelação é o que veem os olhos da fé, ao contemplarem elevado na cruz o Filho de Deus. Aquela sarça divina, pregada a um novo e mais nobre madeiro, se consome agora até a morte num fogo inextinguível, que é o amor salvífico …
 
O pecado da presunção consiste em desprezar a justiça por uma excessiva e desordenada confiança na misericórdia, como se fosse possível alcançar de Deus o perdão, a graça e a glória por caminhos contrários aos da justiça e sabedoria divinas. Na verdade, o mesmo Deus que prometeu a felicidade do céu aos homens, caso se convertessem, também ameaçou c…
 
“Eu, quando for elevado da terra, atrairei todos a mim”: do alto de sua Cruz, Nosso Senhor antecipa o julgamento deste mundo. Mas também nós, católicos, somos chamados a colocar as nossas vidas sob o olhar de Jesus crucificado, através de uma prática que a Igreja recomenda desde tempos imemoriais: o exame de consciência. E, embora devamos nos acost…
 
Loading …

Guia rápido de referências

Google login Twitter login Classic login