Episódio 42 - "O burel e o limoreiro" - Conversa com Pedro Calapez

1:32:11
 
Compartilhar
 

Manage episode 313326900 series 3266800
Por Appleton Associação Cultural descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.

Nasceu em Lisboa no ano de 1953, cidade onde vive e trabalha.

Iniciou os estudos em engenharia civil, transferindo-se em 1976 para a Escola de Belas Artes de Lisboa. Posteriormente frequentou o Curso de Formação Artística da Sociedade Nacional de Belas Artes. Enquanto aluno na Faculdade de Belas Artes, trabalhou como fotógrafo profissional, tendo-se dedicado mais intensamente à pintura a partir de 1985. Entre 1986 e 1998 foi professor no Ar.Co. em Lisboa, tendo sido responsável pelos departamentos de desenho e de pintura. Começou a participar em exposições ainda nos anos 70, tendo realizado a sua primeira exposição individual em 1982.

No contexto nacional, Pedro Calapez é um dos nomes mais reconhecidos, tendo surgido na chamada década do «regresso à pintura», os anos 80, junto com os artistas Pedro Cabrita Reis, José Pedro Croft, Rui Sanches, Rosa Carvalho e Ana Léon.

Desde 2019 que é membro da Direcção da SPA, Sociedade Portuguesa de Autores, Lisboa; Em 2012 recebeu o Grau de Comendador da Ordem do Infante D.Henrique.

O seu trabalho tem sido alvo de mostras em diversas galerias e museus tanto em Portugal como no estrangeiro sendo de salientar as exposições individuais na Fundació Pilar i Joan Miró, Mallorca (1997); no Museo MEIAC, Badajoz e Centro Andaluz de Arte Contemporáneo, Sevilha (2002); no CAM- Fundação C. Gulbenkian, Lisboa (2004); no CGAC- Centro Galego de Arte Contemporáneo, Santiago de Compostela. Destaca-se ainda a sua participação nas Bienais de Veneza (1986) e S. Paulo (1987 e 1991). Encontra-se representado em importantes coleccções nacionais e internacionais Caixa Geral de Depósitos, Lisboa; Centro de Arte Caja Burgos, Burgos; Central European Bank, Frankfurt; Centro Galego de Arte Contemporânea, Santiago de Compostela; Chase Manhattan Bank N.A, Nova Iorque; Coleção António Cachola, Elvas; European Investment Bank, Luxemburgo; Fondación Coca-Cola España, Madrid; Fundació Pilar i Joan Miró, Maiorca; Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa; Fundação EDP, Lisboa; Fundação Luso Americana, Lisboa; Fundação PLMJ, Lisboa; MEIAC- Badajoz; Museo Nacional Centro de Arte ReinaSofia, Madrid; Museu de Serralves, Porto e outras coleções públicas e privadas.

Dos diversos prémios ganhos destacam-se: Em 2005 – o “Premio Nacional de Arte Gráfico”, pela Calcografia Nacional da Real Academia de Bellas Artes, Madrid e ganhou o “Prémio AICA” (Associação Internacional de Críticos de Arte -secção portuguesa). Em 2001 – “Prémio de Pintura EDP”, em Lisboa. 1999 – “Premi Ciutat de Palma de Pintura”, Palma de Mallorca. 1998 – “Prémio “El Brocense”, Deputación Provincial de Cáceres. 1994 – “Prémio de Desenho”, Fundació Pilar i Joan Miró em Mallorca. E em 1990 a primeira edição do “Prémio União Latina”, Lisboa. 1987 – “Pémio Amadeo de Sousa Cardoso”, Museu de Serralves, Porto. 1986 – “Arte dos Anos Oitenta”, V Bienal de V.N.de Cerveira. 1984 – “Lagos 84”, Lagos.

Links:

https://www.calapez.com/

https://www.cps.pt/pt/artistas/pedro-calapez

http://museuartecontemporanea.gov.pt/pt/artistas/ver/121/artists

https://www.rtp.pt/noticias/cultura/pedro-calapez-galardoado-em-espanha-com-premio-de-arte-grafica-2005_n155195

http://www.aica.pt/pt/artists/pedro-calapez/

https://www.publico.pt/2006/02/22/jornal/pedro-calapez-o-artista-inquieto-64809

https://www.publico.pt/2021/08/06/culturaipsilon/critica/dois-artistas-dentro-casa-imagens-1972742

https://galeriasmunicipais.pt/en/exposicoes/um-estranho-aqui-cheguei/

https://www.artecapital.art/snapshot-16-pedro-calapez

Episódio gravado a 21.09.2021

http://www.appleton.pt

Mecenas Appleton:

HCI / Colecção Maria e Armando Cabral

Financiamento:

República Portuguesa - Cultura / DGArtes

Apoio:

Câmara Municipal de Lisboa

90 episódios