Artes - Tito Mouraz leva “Casa das Sete Senhoras” a Paris

5:29
 
Compartilhar
 

Manage episode 268995693 series 1379214
Por France Médias Monde descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
Paris expõe “Visages d’Europe” [“Rostos da Europa”], uma mostra que reúne as visões de 13 fotógrafos sobre o continente, a sua juventude, as suas tradições e transgressões. Tito Mouraz foi o artista português escolhido e expõe imagens da série “Casa das Sete Senhoras”, inspiradas numa lenda da Beira Alta. Tito Mouraz foi escolhido pela série "A Casa das Sete Senhoras": "É um projecto que fiz em 2013 e foi a curadoria do festival que o escolheu para levar a Paris. Já o mostrei em Paris em 2015 e é um projecto que foi desenvolvido na Beira Alta sobre uma casa que supostamente estava assombrada", descreve Tito Mouraz. Em 2015, o artista apresentou imagens desta série no centro cultural Centquatre, em Paris, durante o "Circulation(s) - Festival de la Jeune Photographie Européenne" que juntou 46 fotógrafos europeus. O trabalho de Tito Mouraz busca um lado mais poético e menos documental, uma forma de "fugir a um documento fiel". "O que me interessa não é uma série documental sobre um lugar. Eu nunca falo do nome do lugar, nem do nome das pessoas. Tento que as minhas fotografias tragam ao espectador algo que não se vê lá. Daí elas terem essa carga mágica e de misticismo e todo esse lado mais negro que, à partida, não existe quando se passa por lá", descreve. Expor em Paris, pouco tempo depois do confinamento também cultural que o mundo viveu, "é uma oportunidade e uma motivação extra para o projecto ser conhecido". A exposição “Visages d’Europe” foi inaugurada a 25 de Julho e vai estar patente até 6 de Setembro, em torno da Praça da Torre de Saint Jacques, no centro de Paris. São 13 os artistas de diferentes nacionalidades que apresentam as suas fotografias, graças a um projecto apoiado pelos institutos culturais de Paris e pelo colectivo Fetart de promoção de fotógrafos emergentes. Tito Mouraz foi um dos vencedores do prémio internacional de fotografia Emergentes DST 2013, expôs nos Encontros da Imagem de Braga (2010, 2013 e 2014), no Museu da Imagem, em Braga (2013), e está presente na coleção de fotografia do Novo Banco, ex-BES Art.

267 episódios