Artwork

Conteúdo fornecido por Diálogos Olimpianos. Todo o conteúdo do podcast, incluindo episódios, gráficos e descrições de podcast, é carregado e fornecido diretamente por Diálogos Olimpianos ou por seu parceiro de plataforma de podcast. Se você acredita que alguém está usando seu trabalho protegido por direitos autorais sem sua permissão, siga o processo descrito aqui https://pt.player.fm/legal.
Player FM - Aplicativo de podcast
Fique off-line com o app Player FM !

73. Especial História Contemporânea II: Periódicos anarquistas no Brasil e na Argentina (Comentário por Gabriela Schwengber)

17:19
 
Compartilhar
 

Manage episode 385773510 series 3245892
Conteúdo fornecido por Diálogos Olimpianos. Todo o conteúdo do podcast, incluindo episódios, gráficos e descrições de podcast, é carregado e fornecido diretamente por Diálogos Olimpianos ou por seu parceiro de plataforma de podcast. Se você acredita que alguém está usando seu trabalho protegido por direitos autorais sem sua permissão, siga o processo descrito aqui https://pt.player.fm/legal.

Neste episódio, nosso segundo especial de História Contemporânea, a mestranda Gabriela Schwengber (PPGH/UFSM) trata sobre o que é o anarquismo e sobre alguns elementos gerais de periódicos anarquistas publicados no Brasil e na Argentina no final do século XIX e início do século XX. Especial atenção será dada ao periódico anarco-comunismo La Voz de la Mujer, publicado na Argentina em fins do século XIX. A ideia não é reduzir os movimentos anarquistas apenas a uma produção discursiva, afinal, a história do movimento também é marcada por ações como greves, boicotes e manifestações nos locais de trabalho e nos centros urbanos. No entanto, a produção e publicação de escritos - sejam jornais, folhetos, panfletos e outros materiais - constituiu uma forma de luta e disseminação importante dos ideais anarquistas.

Referências principais:

ALVARENGA, L. T. R. O homem livre sobre a terra livre: O tipógrafo, o jornalista libertário e a rede social do jornal A Terra Livre (1905-1910). Dissertação de Mestrado em História defendida na Universidade Federal de São Paulo, 2017.

CUNHA, E. A. S. Editar a revolta: edição e circulação de impressos anarquistas em Buenos Aires (1890-1905). Dissertação de Mestrado em História defendida na Universidade de São Paulo, 2018.

MACIEL, L. A. Imprensa, esfera pública e memória operária – Rio de Janeiro (1880-1920). Revista de História, n. 175, p. 415-448, 2016.

SOUZA, I. S. L. “Salimos a la lucha...sin Dios y sin jefe”. O periódico La Voz de la Mujer como experiência feminina do anarquismo na Argentina. (1896-1897). Dissertação de Mestrado em História defendida na da Universidade Federal Rio de Janeiro, 2019.

Para citação no formato ABNT:

DIÁLOGOS OLIMPIANOS 73. Especial História Contemporânea II: Periódicos anarquistas no Brasil e Argentina (Comentário por Gabriela Schwengber) Narração de Gabriela Schwengber [S./L.], 25 de novembro de 2023. Podcast. Disponível em: https://castbox.fm/episode/73.Especial-Hist%C3%B3ria-Contempor%C3%A2nea-II%3A-Peri%C3%B3dicos-anarquistas-no-Brasil-e-na-Argentina-(Coment%C3%A1rio-por-Gabriela-Schwengber)-id2826611-id651658769?country=br. Acesso em: COLOQUE A DATA DO SEU ACESSO.

  continue reading

75 episódios

Artwork
iconCompartilhar
 
Manage episode 385773510 series 3245892
Conteúdo fornecido por Diálogos Olimpianos. Todo o conteúdo do podcast, incluindo episódios, gráficos e descrições de podcast, é carregado e fornecido diretamente por Diálogos Olimpianos ou por seu parceiro de plataforma de podcast. Se você acredita que alguém está usando seu trabalho protegido por direitos autorais sem sua permissão, siga o processo descrito aqui https://pt.player.fm/legal.

Neste episódio, nosso segundo especial de História Contemporânea, a mestranda Gabriela Schwengber (PPGH/UFSM) trata sobre o que é o anarquismo e sobre alguns elementos gerais de periódicos anarquistas publicados no Brasil e na Argentina no final do século XIX e início do século XX. Especial atenção será dada ao periódico anarco-comunismo La Voz de la Mujer, publicado na Argentina em fins do século XIX. A ideia não é reduzir os movimentos anarquistas apenas a uma produção discursiva, afinal, a história do movimento também é marcada por ações como greves, boicotes e manifestações nos locais de trabalho e nos centros urbanos. No entanto, a produção e publicação de escritos - sejam jornais, folhetos, panfletos e outros materiais - constituiu uma forma de luta e disseminação importante dos ideais anarquistas.

Referências principais:

ALVARENGA, L. T. R. O homem livre sobre a terra livre: O tipógrafo, o jornalista libertário e a rede social do jornal A Terra Livre (1905-1910). Dissertação de Mestrado em História defendida na Universidade Federal de São Paulo, 2017.

CUNHA, E. A. S. Editar a revolta: edição e circulação de impressos anarquistas em Buenos Aires (1890-1905). Dissertação de Mestrado em História defendida na Universidade de São Paulo, 2018.

MACIEL, L. A. Imprensa, esfera pública e memória operária – Rio de Janeiro (1880-1920). Revista de História, n. 175, p. 415-448, 2016.

SOUZA, I. S. L. “Salimos a la lucha...sin Dios y sin jefe”. O periódico La Voz de la Mujer como experiência feminina do anarquismo na Argentina. (1896-1897). Dissertação de Mestrado em História defendida na da Universidade Federal Rio de Janeiro, 2019.

Para citação no formato ABNT:

DIÁLOGOS OLIMPIANOS 73. Especial História Contemporânea II: Periódicos anarquistas no Brasil e Argentina (Comentário por Gabriela Schwengber) Narração de Gabriela Schwengber [S./L.], 25 de novembro de 2023. Podcast. Disponível em: https://castbox.fm/episode/73.Especial-Hist%C3%B3ria-Contempor%C3%A2nea-II%3A-Peri%C3%B3dicos-anarquistas-no-Brasil-e-na-Argentina-(Coment%C3%A1rio-por-Gabriela-Schwengber)-id2826611-id651658769?country=br. Acesso em: COLOQUE A DATA DO SEU ACESSO.

  continue reading

75 episódios

Todos os episódios

×
 
Loading …

Bem vindo ao Player FM!

O Player FM procura na web por podcasts de alta qualidade para você curtir agora mesmo. É o melhor app de podcast e funciona no Android, iPhone e web. Inscreva-se para sincronizar as assinaturas entre os dispositivos.

 

Guia rápido de referências