Astecas: Entre o Milho e o Sangue #32

1:51:57
 
Compartilhar
 

Manage episode 269262699 series 2526377
Por geopizza descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.

A mesomérica pré-colombiana foi o lar de centenas de povos. A partir de 500 dC, os olmecas, maias e zapotecas eram as principais civilizações que estabeleceram cidades centralizadas como San Lorenzo, Monte Albam e Tikal. O comércio entre os diferentes povos em breve criaria uma escrita, arquitetura e religião em comum entre as civilizações.

Em 750, os Toltecas estabeleceram uma poderosa cultura militar expansionista com uma complexa ordem social. O Império Tolteca foi o maior da América Central, mas teve sua queda em 1063, provavelmente devido a uma rebelião ocasionado por uma severa seca, a mesma que devastou as cidades maias.

Os toltecas foram sucedidos pelos astecas que habitaram o centro do México a partir do século 14, com campanhas militares expansionistas, submetendo outros povos em estados vassalos e tributários.

A partir de 1428, os astecas tornaram-se o maior império da mesomérica, com uma complexa estrutura social.

Os astecas foram os primeiros que estabeleceram uma educação universal para todos os habitantes de seu império, ensinando conceitos matemáticos, militares, astronômicos e religiosos para seus habitantes, sendo eles astecas ou de outros povos como toltecas, chichimecas ou maias. Todas as classes sociais, incluindo escravizados, deveriam frequentar o ensino público.

Sendo politeístas, cada cidade asteca tinha um padroeiro diferente, sendo sua capital, Tenochtitlán em homenagem ao deus do Sol e da Guerra, Huitzilopochtli.

Em sua mitologia, os astecas só existiam pois os deuses haviam se sacrificado para criar o seu mundo. Por isso, ser sacrificado em homenagem aos deuses era uma das maiores honras da sociedade, sendo que anualmente de 500 – 700 sacrifícios ocorriam anualmente apenas na capital asteca.

Embora prisioneiros de guerra fossem sacrificados eventualmente, quanto maior era a classe do indivíduo, maior era a importância do sacrifício oferecido. Portanto, em eventos religiosos ou devido a mudanças climáticas, sacerdotes eram muitas vezes sacrificados.

70 episódios