#64 – Drops: Como Cães e humanos observam as expressões uns dos outros?

21:24
 
Compartilhar
 

Manage episode 268921785 series 2612594
Por Meu nome não é não descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
Satira e Mirielen Campos, by Jean Novaes

Será que humanos e cães compartilham a mesma forma de observar as expressões uns dos outros? Estudos já verificaram nosso padrão em observar expressões, primeiro olhos, depois boca (permanecendo mais tempo nesta região quando a emoção expressada é alegria), mas e os cães? No estudo Perception of dynamic facial expressions of emotion between dogs and humans, os pesquisadores Catia Correia Caeiro, Kun Guo e Daniel S. Mills foram em busca dessa resposta. O artigo é tema deste Drops do Podcast Meu Nome Não É Não.

No estudo sobre a percepção de expressões faciais dinâmicas de emoção entre cães e humano, os autores afirmam que as faces humanas são os principais canais para passar informação emocionais entre seres humanos. Entre mamíferos, reconhecer a expressão facial pode nos trazer aprendizados e aptidões sobre o indivíduo ou mesmo a situação que eles se encontram. Devido ao tempo que compartilhamos o mesmo ambiente com os cães, criou-se um modelo ideal para estudar os sinais emocionais. E a co-evolução cognitiva, como disse Hare em 2007, permitiu observar as duas espécies juntas, neste estudo. Além disso, entender como humanos e cães percebem os sinais faciais de emoção um do outro tem implicações importantes para a segurança pública humana e o bem-estar dos cães.

Apresentação e Locução: Mirielen Campos

Edição: Guto Leão

Vinheta: Henrique Inglez de Souza

Músicas neste Episódio:

O post #64 – Drops: Como Cães e humanos observam as expressões uns dos outros? apareceu primeiro em Meu Nome Não É Não.

83 episódios