14 de julho | Devocional Diário CHARLES SPURGEON

2:53
 
Compartilhar
 

Manage episode 169724918 series 1335922
Por Filipe Castelo Branco and Ministério Fiel descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
14 de Julho - Se sobre ele manejares a tua ferramenta, profaná-lo-ás. (Êxodo 20.25) O altar de Deus tinha de ser construído com pedras toscas, de modo que nem habilidade nem labor humano fossem vistos nele. A sabedoria humana se deleita em adaptar e dispor as doutrinas da cruz em um sistema mais artificial e mais apropriado aos gostos corrompidos da natureza caída. Em vez de se beneficiar do evangelho, a mente carnal o corrompe, até que ele se torna qualquer outra coisa, exceto a verdade de Deus. Todas as alterações e consertos na Palavra do próprio Senhor são profanações. O coração orgulhoso do homem anela ter parte na justificação da alma diante de Deus. As pessoas sonham em preparações para receberem a Cristo, confiam em arrependimentos e humilhações, se orgulham da habilidade natural; e as boas obras são exaltadas. De todas as formas é feita alguma tentativa de manejar ferramentas humanas no altar divino. Seria bom se os pecadores lembrassem que longe de tornar perfeita a obra do Salvador, suas confianças carnais apenas a profanam e desonram. Somente o Senhor tem de ser exaltado na obra da expiação; e não será tolerada nem mesmo a mais insignificante marca do martelo e do formão humanos. Existe uma blasfêmia inerente na atitude de tentar acrescentar qualquer coisa ao que Cristo Jesus, no momento em que morria, declarou estar consumado; ou na tentativa de incrementar aquilo em que o Senhor Jeová encontra perfeita satisfação. Pecador temeroso, jogue fora as suas ferramentas e prostre-se aos pés de Jesus, em súplica humilde. Receba a Jesus como o altar de sua expiação e descanse tão-somente nEle. Este versículo pode ser uma advertência para muitos crentes quanto às doutrinas em que eles crêem. Entre os crentes, existe grande propensão de tentarem acomodar as verdades da revelação. Isto é uma forma de irreverência e incredulidade. Lute contra isto, recebendo a verdade como você a encontra nas Escrituras. Regozije-se no fato de que as doutrinas da Palavra de Deus são pedras toscas e as mais apropriadas para construir um altar para o Senhor.

1804 episódios