Petrobras - o que Bolsonaro quer ao intervir?

26:47
 
Compartilhar
 

Manage episode 285670730 series 2535511
Por G1 descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
Em apenas um dia, o valor das ações da maior estatal brasileira caiu quase 21%. Desde que o presidente Jair Bolsonaro indicou o General Joaquim Silva e Luna à presidência da estatal, a perda foi de R$ 100 bilhões em valor de mercado. Resultado direto da interferência do presidente, feita em reação ao quarto aumento nos preços do diesel e da gasolina deste ano, empurrados pela alta internacional do petróleo. E o presidente disse que mais mudanças virão. “Bolsonaro não fará um governo liberal, não é um projeto de respeito às regras da economia de mercado, ele fará intervencionismos populistas. É o projeto dele”, afirma a jornalista Miriam Leitão, comentarista da TV Globo, colunista da Rádio CBN e do jornal O Globo. Ela é a convidada de Natuza Nery para explicar as consequências da intervenção de Bolsonaro na Petrobras. Miriam explica os movimentos do governo para viabilizar o nome de Silva e Luna no conselho da empresa, e compara as diferenças e similaridades com a política de controle de preços praticada pelo governo Dilma. “Hoje, o empresário terá que lidar com um risco Brasil 14% mais alto”, diz. E avisa: Bolsonaro se beneficia com a ação. “Ele está pensando em 2022. É uma jogada de marketing populista.”

443 episódios