#265 Redes sociais e saúde mental na pandemia | Anderson Mendes (Depressão Não é Frescura)

51:37
 
Compartilhar
 

Manage episode 275573580 series 2385597
Por Comunique-se descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
A pandemia está nos colocando numa situação próxima do que os adolescentes vivem há muito tempo: isolamento não apenas social, mas emocional. É a desconexão das pessoas que deveriam estar próximas da gente. É possível — e necessário — reconectar com as pessoas. O estresse e o medo causados pela pandemia geram um estado inflamatório nas pessoas. Está tudo bem não estar tudo bem, como dizem os psicólogos. O maior benefício, e também problema, das redes sociais é dar fala para todo o mundo. Existe uma carga muito emocional sendo transmitida. A rede social multiplicou o que já existia. O ser humano quer ser amado e quer ostentar: do indivíduo da favela ao Galvão Bueno. A ostentação é humana. Acontece que isso foi multiplicado sem qualidade. Todos estão procurando mais curtidas em cada vez menos tempo. Ninguém mais trabalha a essência. É um jogo apenas de likes. Apresentação: Cassio Politi (Tracto). Convidado: Anderson Mendes (Depressão Não é Frescura). Anderson Mendes no LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/andersonalmeidamendes/. Instagram: Instagram: @institutogentefeliz. Site do livro: https://www.depressaonaoefrescura.com.br/. Post do Hospital Santa Mônica com dados da OMS: https://hospitalsantamonica.com.br/ansiedade-e-depressao-na-pandemia/. Para participar do grupo do Comunique-se no Telegram e acessar o podcast em múltiplas plataformas, o link é este: https://www.podcast-se.com.br/.

270 episódios