#16 - Paula Lavigne: “Está difícil ver pessoas influentes não se posicionarem”

40:31
 
Compartilhar
 

Manage episode 299841323 series 2935664
Por O Globo descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
Paula Lavigne não gosta de ser vista como líder sindical da comunidade artística, mas é mais ou menos isso o que ela virou nos últimos tempos. "Me tornei ativista por necessidade", diz a produtora cultural. Em 2017, ela ajudou a fundar o movimento 342, que hoje faz campanha pela prisão do Secretário de Cultura do governo federal, Mário Frias. ““O incêndio da Cinemateca não foi um acidente. Aquilo estava em situação precária. E aí, vamos continuar com um Secretário de Cultura que continua agindo criminosamente?”. Neste episódio , ela diz que, mais do que desprezo, o governo Bolsonaro nutre ódio pela cultura ou pela classe artística. "Sinceramente, não entendo como um artista pode apoiar o Bolsonaro", diz ela. “Está difícil ver pessoas que têm influência não se posicionarem”. Na conversa com Malu Gaspar, enquanto fazia as malas para a turnê européia de Caetano Veloso, a primeira depois da pandemia, a produtora fala ainda sobre a destruição de estátuas, os desafios do setor diante da pandemia e os dilemas da esquerda em 2022.

33 episódios