Artwork

Conteúdo fornecido por Cannabis Monitor Brasil. Todo o conteúdo do podcast, incluindo episódios, gráficos e descrições de podcast, é carregado e fornecido diretamente por Cannabis Monitor Brasil ou por seu parceiro de plataforma de podcast. Se você acredita que alguém está usando seu trabalho protegido por direitos autorais sem sua permissão, siga o processo descrito aqui https://pt.player.fm/legal.
Player FM - Aplicativo de podcast
Fique off-line com o app Player FM !

Debate #27 | STF avança no julgamento do RE 635659

1:00:41
 
Compartilhar
 

Manage episode 375152083 series 3238915
Conteúdo fornecido por Cannabis Monitor Brasil. Todo o conteúdo do podcast, incluindo episódios, gráficos e descrições de podcast, é carregado e fornecido diretamente por Cannabis Monitor Brasil ou por seu parceiro de plataforma de podcast. Se você acredita que alguém está usando seu trabalho protegido por direitos autorais sem sua permissão, siga o processo descrito aqui https://pt.player.fm/legal.

Tá nos ares mais um Maconhômetro Debate, um projeto do Cannabis Monitor em parceria com a Plataforma Brasileira de Políticas de Drogas, com a proposta de contextualizar e aprofundar temas relevantes envolvendo a maconha e a política de drogas no Brasil e no mundo.

Nesse episódio, Monique Prado comanda um debate sobre o andamento no STF do julgamento do Recurso Extraordinário 635.659, que pode descriminalizar o porte de maconha no Brasil e para isso recebe a Luciana Boiteux, que é Advogada, Mestre e Doutora em Direito Penal, professora de Direito Penal e Criminologia da UFRJ e, atualmente, Vereadora na cidade do Rio de Janeiro, e o Rodrigo Mesquita, que também é advogado, graduado em Direito pela UFPI, com MBA em Relações Governamentais (FGV) e atual Vice-Presidente da Comissão Especial de Direito da Cannabis da OAB Nacional, sendo o representante DA entidade no CONAD.

Tanto a Luciana quanto o Rodrigo participaram, enquanto advogados, do julgamento na condição de amicus curiae, que quer dizer "amigos da corte", e cuja função é, resumidamente, fornecer informações relevantes à corte acerca da discussão do caso em questão, ampliando o entendimento dos magistrados e contribuindo para uma tomada de decisão mais justa.

Após 7 anos parado, o julgamento foi retomado com o voto do ministro Alexandre de Moraes, que acompanhou seus colegas Gilmar Mendes, Edson Fachin e Luis Roberto Barroso, votando pela inconstitucionalidade do artigo 28 da lei de drogas e evidenciando, com dados robustos do sistema de justiça criminal, aquilo que os movimentos sociais e organizações antiproibicionistas denunciam há décadas quanto ao caráter racista e injusto da criminalização e da política de guerra às drogas.

No entanto, Moraes embarcou no equívoco dos colegas Fachin e Barroso, e restringiu a descriminalização apenas à maconha.

Nesse episódio, aprofundamos o olhar sobre o voto do Xandão e a continuidade do julgamento, buscando entender quais os impactos da decisão sobre os usuários de drogas e o que mudará de concreto na nossa realidade.

Confira e fique por dentro!

Apoie o Cannabis Monitor: http://apoia.se/cannabismonitor

  continue reading

238 episódios

Artwork
iconCompartilhar
 
Manage episode 375152083 series 3238915
Conteúdo fornecido por Cannabis Monitor Brasil. Todo o conteúdo do podcast, incluindo episódios, gráficos e descrições de podcast, é carregado e fornecido diretamente por Cannabis Monitor Brasil ou por seu parceiro de plataforma de podcast. Se você acredita que alguém está usando seu trabalho protegido por direitos autorais sem sua permissão, siga o processo descrito aqui https://pt.player.fm/legal.

Tá nos ares mais um Maconhômetro Debate, um projeto do Cannabis Monitor em parceria com a Plataforma Brasileira de Políticas de Drogas, com a proposta de contextualizar e aprofundar temas relevantes envolvendo a maconha e a política de drogas no Brasil e no mundo.

Nesse episódio, Monique Prado comanda um debate sobre o andamento no STF do julgamento do Recurso Extraordinário 635.659, que pode descriminalizar o porte de maconha no Brasil e para isso recebe a Luciana Boiteux, que é Advogada, Mestre e Doutora em Direito Penal, professora de Direito Penal e Criminologia da UFRJ e, atualmente, Vereadora na cidade do Rio de Janeiro, e o Rodrigo Mesquita, que também é advogado, graduado em Direito pela UFPI, com MBA em Relações Governamentais (FGV) e atual Vice-Presidente da Comissão Especial de Direito da Cannabis da OAB Nacional, sendo o representante DA entidade no CONAD.

Tanto a Luciana quanto o Rodrigo participaram, enquanto advogados, do julgamento na condição de amicus curiae, que quer dizer "amigos da corte", e cuja função é, resumidamente, fornecer informações relevantes à corte acerca da discussão do caso em questão, ampliando o entendimento dos magistrados e contribuindo para uma tomada de decisão mais justa.

Após 7 anos parado, o julgamento foi retomado com o voto do ministro Alexandre de Moraes, que acompanhou seus colegas Gilmar Mendes, Edson Fachin e Luis Roberto Barroso, votando pela inconstitucionalidade do artigo 28 da lei de drogas e evidenciando, com dados robustos do sistema de justiça criminal, aquilo que os movimentos sociais e organizações antiproibicionistas denunciam há décadas quanto ao caráter racista e injusto da criminalização e da política de guerra às drogas.

No entanto, Moraes embarcou no equívoco dos colegas Fachin e Barroso, e restringiu a descriminalização apenas à maconha.

Nesse episódio, aprofundamos o olhar sobre o voto do Xandão e a continuidade do julgamento, buscando entender quais os impactos da decisão sobre os usuários de drogas e o que mudará de concreto na nossa realidade.

Confira e fique por dentro!

Apoie o Cannabis Monitor: http://apoia.se/cannabismonitor

  continue reading

238 episódios

Todos os episódios

×
 
Loading …

Bem vindo ao Player FM!

O Player FM procura na web por podcasts de alta qualidade para você curtir agora mesmo. É o melhor app de podcast e funciona no Android, iPhone e web. Inscreva-se para sincronizar as assinaturas entre os dispositivos.

 

Guia rápido de referências