Eleições diretas ou indiretas: Advogado explica desfechos com possível afastamento do governador

5:59
 
Compartilhar
 

Manage episode 275201904 series 2086642
Por Rádio Cruz de Malta descoberto pelo Player FM e nossa comunidade - Os direitos autorais são de propriedade do editor, não do Player FM, e o áudio é transmitido diretamente de seus servidores. Toque no botão Assinar para acompanhar as atualizações no Player FM, ou copie a feed URL em outros aplicativos de podcast.
Começou às 9h desta sexta-feira, dia 23, a sessão do Tribunal Especial de Julgamento que discute e vota o relatório referente ao pedido de Impeachment do governador Carlos Moisés e da vice Daniela Reinehr no caso do reajuste salarial dos procuradores do Estado. O desfecho da sessão pode culminar no afastamento de Moisés e Daniela, como explicou o advogado Rogério da Silva, em entrevista por telefone ao Cruz de Malta Notícias. “O afastamento, se aprovado, ocorrerá na segunda-feira. Pelo próprio regimento que o Tribunal Especial fixou, os atos são válidos a partir do primeiro dia útil subsequente a decisão”, citou Silva, que integra a comissão formada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SC) para acompanhar o processo. O advogado explicou ainda que o tribunal possui 180 dias para finalizar o julgamento, mas se finalizar até 31 de dezembro de 2020, haverá nova eleição direta. Se for depois dessa data, será feita nova eleição indireta entre os deputados estaduais.

6250 episódios